Cotidiano

Alou =)

O primeiro post em um blog (seja ele qual for), é sempre muito estranho. Normalmente é como se apresentar a um desconhecido, do tipo: “Oi, meu nome é Flavia” e bla bla bla. A ideia surgiu de tanto insistirem (minha tia, minha amiga, meu amigo, etc etc etc) para que eu fizesse alguma coisa (ou seja, a iniciativa não partiu de mim).

Cabeça que pensa demais e não divide os pensamentos, fica pra trás! De nada adianta pensar muita coisa e não compartilhar, pra não discutir ideias e crescer com isso. Talvez este seja mais um motivo para eu finalmente ter acatado as insistências das pessoas em fazer isso.

Aqui é só um canto para expor ideias, compartilhar olhares, pontos de vista e algo mais que eu imaginar que esteja relacionado a algumas coisas que eu realmente gosto: moda (a não convencional, covencional, estranha, duvidosa…) e música, que preenche meu dia do momento que acordo ao momento que vou dormir.

Não entendo um P de futebol, mas adoro coisas relacionadas. Esse cachecol virou meu xodó!

Adoro essa ideia de se vestir conforme humor, ocasião. Mas eu, particularmente, tenho um grande problema em ser sempre do contra: vou pro pagode usando vestido de balada indie. Vou pro role alternativo vestindo sapatilha. Passo frio no inverno e calor no verão. Mas essas coisas acontecem.

Digo isso porque meus amigos sempre dizem que eu sou a pessoa mais diferente do mundo, no sentido vestimenta. A foto foi tirada num dia que encontrei um amigo, alguns meses depois de eu ter voltado da Zoropa. A maior parte das coisas eu comprei la, então tive que ouvir um “ta metida mesmo”. A maior parte das coisas são encontradas aqui: cardigan eu vi vários na Renner (que foi onde eu comprei a calça. O meu foi comprado na Primark, uma loja com roupas a tipo… cinco libras); a regata foi comprada em Camdem Town, um lugar maneirasso, cheio de coisas diferentes em Londres. Não tem como não se apaixonar por Camdem Town. Mas a mesma regata pode ser encontrada em lojas de departamentos tipo Riachuello (só conheço lojas de departamento. Nunca fui de pagar caro em roupa. E as uso até o fim) ou em feiras hippies. E chapéu da Forever 21 (que quando abriu aqui no Brasil foi um auê, mas a loja é uma loja de departamentos comum, com coisas de bom gosto. Nada diferente do Brasil).

Algumas pessoas acham que roupa bonita só existe lá fora. Mentira. O caso é que tem coisa barata. Apenas. Muita coisa que tem la fora também tem aqui. A escolha da foto com coisas compradas lá fora foi coincidência, hahaha. E falta de foto. Não tenho este hábito de “selfies”, mas tentarei adquiri-lo.

É isso!

Umbeijo!

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s